MANAUS- Com 9.185 casos, Amazonas é o segundo estado da região Norte com mais registros de tentativa de fraude. Os dados são do Indicador de Tentativas de Fraude da Serasa Experian, de novembro de 2023. O Norte do país teve 42.347 ocorrências.

Veja o gráfico:

O Amazonas está atrás apenas do Pará, que teve 18.160 ocorrências.

No Brasil, foram registradas 26.798 ocorrências fraudulentas por dia, somando 830.740 no mês, uma investida criminosa focada em roubos de identidade a cada 3,1 segundos.

As diligências registradas pelo indicador são consideradas malsucedidas graças às ferramentas de autenticação e prevenção a fraude. Elas são baseadas em verificação de documentos (análise de documentos de identificação), biometria facial e verificação cadastral. Do total de investidas criminosas, 35,9% foram contra consumidores com idades entre 36 e 50 anos.

“O volume de tentativas de fraude do Indicador está relacionado ao onboarding, ou seja, ao momento de abertura de contas ou pedidos de cartões de crédito, por exemplo. Para garantir que essas transações estão sendo feitas por pessoas que são realmente quem se dizem ser, sem deixar de lado a preocupação em causar impacto negativo na experiência do usuário, as empresas precisam contar com processos ágeis e tecnológicos”, explicou o diretor de Produtos de Autenticação e Prevenção à Fraude da Serasa Experian, Caio Rocha.

Em ranking nacional, o Amazonas ocupou a 19ª posição. Três das quatro Unidades Federativas do Sudeste lideraram o ranking com o maior volume de tentativas de fraude: São Paulo (237.940), Rio de Janeiro (78.587) e Minas Gerais (62.444).

 

By souza

Publicitário/ Apresentador de Rádio e TV/ Especialista em Marketing Digital/ Assessoria de Imprensa